Sempre Virgem: Gel Adstringente Vaginal

Sempre Virgem: Gel Adstringente Vaginal ( Foto: Divulgação)

Sempre Virgem: Gel Adstringente Vaginal ( Foto: Divulgação)

Nada como nos sentirmos plenas e aptas para proporcionar o maior prazer possível para o nosso parceiro, mas algumas mulheres acham que precisam de uma ajuda para estreitar o canal vaginal e por isso que trouxemos informações a respeito do gel “Sempre Virgem” e todos os seus benefícios.

O Gel adstringente vaginal “Sempre Virgem” vem trazendo grandes benefícios para as mulheres que querem estreitar o canal vaginal sem ter que se submeterem a cirurgias e assim poderem proporcionar mais prazer a seus parceiros.

Sempre virgem: Gel que deixa a mulher virgem novamente

  • O gel “Sempre Virgem” possui em sua formulação componentes que com o uso contínuo proporcionam um estreitamento vaginal graças a sua ação cicatrizante, além de ser adstringente, tonificante, estimulante, antisséptico e ativa a circulação.
  • Um produto que só deve ser usado por mulheres que não sejam alérgicas e caso aconteçam reações devem parar de usar o gel.
  • O bom deste gel vaginal é que tem um preço muito acessível já que custa em média de R$ 19,90 a R$ 27,90 e pode ser encontrados em vários sex shops virtuais e físicos também.
  • O gel “Sempre Virgem” tem um suave toque de menta e vem em bisnagas de 25 gramas.
  • Vocês perceberão que o gel
    Assuntos relacionados
    • unhas decoradas mickey
    • silicone fotos antes e depois
    • penteados com coque e tranca
    • bucetas co corrinento
    • bucetas gonorea
    • fotos de bosetas com guinorenha
    • bucetas com gonorreia foto
    • fotos de buceta com guenorreia
    • fotos de buceta com guinorrea
    • fotosdebucetascomgonorreia

Higiene Feminina na Menstruação

A higiene intima é fundamental para a saúde da mulher e para evitar certos odores que são totalmente desconfotáveis.

Toda mulher sabe que a higiene é fundamental em nosso dia a dia, porém existe certas fases no qual a atenção deve ser redobrada, a parte íntima feminina merece muito mais a atenção no período da menstruação, no qual deve-se ter cuidados com o absorvente e também com a higiene para evitar certos odores.

Fabricantes de absorvente desenvolve modelos que possui aroma para disfarçar os supostos adores, porém segundo os ginecologistas deve-se descartar absorventes e papéis higiênicos que possui aroma, pois a chance de dar corrimento

Assuntos relacionados
  • buceta com corrimento
  • Bucetas com gonorréia
  • fotos de bucetas com gonorreia

DST: Doenças Sexualmente Transmissíveis

Use Camisinha!

Vivemos em uma sociedade sexualmente liberal, por isso, muito preocupa a proliferação de de pessoas infectadas com algum tipo de DST (Doença Sexualmente Transmissível), que mesmo bem informadas a respeito das devidas prevenções, continuam se contaminando e consequentemente espalhando para outras pessoas. A mais temida delas com certeza é a AIDS, por ser a de

Assuntos relacionados
  • gonorreias feminina
  • Gonorréia desenho
  • como colocar camisinha

Infecção na Gravidez

Infecções na gravidez

A gravidez é um dos momentos mais felizes da vida de uma mulher, mas que também pode trazer alguns riscos, como as infecções. (Foto: Divulgação)

Em diversos momentos da vida a mulher se torna mais suscetível a contrair doenças ou desenvolver possíveis infecções no organismo. Isso acontece por uma série de fatores, dentre elas a gravidez, que acaba deixando o organismo mais propenso ao aparecimento de tais enfermidades.

Com a gravidez a mulher acaba ficando com o sistema imunológico mais baixo do que o normal, isso facilita a entrada e proliferação de bactérias, vírus ou fungos. Calma, não é lei toda mulher sofrerá de infecção na gravidez, mas definitivamente as chances são maiores. São diversas as infecções que podem atingir uma mulher grávida, mas as mais comuns atingem o sistema reprodutor, pois a vagina contém bactérias que “vivem” no organismo normalmente, mas que frente a situações como a gravidez e a baixa imunidade acabam se manifestando e se multiplicando mais do que o normal.

Infecções na Gravidez

As infecções precisam ser controladas para que não cause maiores problemas para a mãe e para o bebê. Para melhor entendimento sobre o assunto é preciso primeiro falar sobre os principais tipos de infecção que acometem as mulheres no período de gestação. Dentre todas as infecções, as principais são:

Infecção do Trato Urinário (ITU)

É o tipo de infecção mais comum durante a gravidez. Causada por bactérias, a ITU é causada tipicamente pela entrada de bactérias do reto que infectam a uretra, fazendo todo o caminho até a bexiga. O desenvolvimento dessas bactérias na bexiga é possível pelo nível elevado de progesterona, que causa o relaxamento do trato urinário e da bexiga, dando maior tempo para tais corpos estranhos se desenvolverem. Dentre os sintomas causados pela ITU os mais comuns são dor, desconforto ou ardor ao urinar, além de desconforto pélvico e dores na região abaixo do abdomen. A urina pode se apresentar com um aspecto turvo e liberar um odor forte e desagradável, além de aumentar a frequência urinária, fazendo com que a mulher vá mais vezes ao banheiro.

Vaginose Bacteriana (VB)

Essa infecção se dá pelo desenvolvimento excessivo das bactérias que existem normalmente em pequena quantidade na vagina. Dentre todos os sintomas que podem se manifestar, o corrimento fino e esbranquiçado com um odor desagradável é o mais comum. Além disso, é possível que a gestante sinta uma irritação ou coceira na região da vagina e da vulva. É uma das infecções que merece atenção visto que na maioria das mulheres os sintomas não se manifestam.

Infecções por leveduras

São infecções que surgem mais frequentemente durante a gravidez. Elas são provocadas por fungos da família Candida, um dos organismos que está presente na vagina da grávida mas que só se manifesta em situações de baixa imunidade ou de presença de outros

Assuntos relacionados
  • gravida de 3 meses
  • gravidas de 3 meses
  • mulher gravida de 3 meses
  • gravidas de 9 meses
  • barriga de gravida
  • mulheres gravidas de 9 meses
  • foto de grávida de 3 meses
  • grávidas com 3 meses

Cuidados com as Peças Íntimas

Alguns problemas ginecológicos muitas vezes são causados pelo mal uso das peças íntimas que necessitam de cuidados para evitar supostas infecções na mulher, calcinhas mal lavadas e colocadas em locais errados para secar pode gerar no tecido fungos e bactérias que causam infecção e corrimento.

As dúvidas são muitas como por exemplo: pode lavar a calcinha embaixo do chuveiro? pode secar atrás da geladeira? pode usar sabão em pó ou sabonete? entre outras dúvidas. Porém qualquer aparecimento de corrimento e dores na hora de urinar você deve procurar seu ginecologista.

Cuidados com as Peças Íntimas

Na hora de lavar o produto ideal é o sabão de coco ou então o sabonetes conhecidos como como Higicalçinha, já o sabão em pó e amaciantes até agora não representaram problema, porém por possuir perfume forte pode trazer alergias.

Na hora de secar o local mais indicado é na sombra longe do sol pois pode danificar a calcinha e após seca passe o ferro na região íntima (algodão) para matar as bactérias.

Para guardar não tem restrições, porém deve ser em local seco, caso goste coloque sabonetes na gaveta para perfumar, outra dica super importante é que por mais que a peça íntima seja nova você sempre deve lava-la antes de usar evitando assim supostas bactérias no tecido no qual muitas vezes já pode ter sido experimentado por outras pessoas.

Cuidados Básicos com Roupas de Seda e Algodão

Com alguns cuidados básicos aquela sua peça de roupa favorita…

Cuidados com a Calcinha Previne Infecções

Você é do tipo que já se acostumou a lavar…

Cuidados com Lentes de Contato

Ter uma ótima visão é essencial, porém por alguns problemas…

Como Evitar Corrimento

O corrimento é o maior motivo de procura por ginecologistas no Brasil. Muitas causas estão ligadas a esse problema, mas os grandes vilões ainda são a calça justa e os tecidos sintéticos. Isso porque eles dificultam a ventilação na área vaginal, o que acaba por fermentar os mucos naturais tornando o local propício para fungos e bactérias. Outros fatores podem ser responsáveis pelo aparecimento do corrimento, como gravidez, diabetes, ingestão de certos condimentos e até mesmo o uso de pílulas contraceptivas. O sêmen também pode estar ligado á causa, pois a vagina pode armazenar o esperma coagulado pór até 24 horas após o coito, como meio natural para dar uma forcinha para a concepção. Outras coisas podem causar corrimento, como contaminação por restos de fezes e urina, que por mais que a mulher tenha uma higiene impecável, sempre fica alguma coisa.

Assuntos relacionados
  • unhas decoradas faceis de fazer sozinha passo a passo